Aeroporto de Santo Antão com recurso a PPP

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,11 fev 2018 10:11

Olavo Correia
Olavo Correia

​O Governo vai envolver o sector privado na construção do futuro aeroporto de Santo Antão, para evitar que o investimento, que rondará entre 18 milhões e 20 milhões de euros, possa endividar ainda mais o país.

Quem o garante é o vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, que avança que o projecto do aeroporto de Santo Antão vi ser “concebido numa lógica de parceria público-privada” (PPP), para que a infra-estrutura “não contribua para aumento da dívida pública”.

Olavo Correia falava, este sábado, à imprensa, no Porto Novo, no término de uma visita de dois dias a Santo Antão, região com “muitas potencialidades”, sobretudo a nível do turismo, mas que, no seu entender, “precisa ligar-se às demais ilhas e ao mundo”.

Os estudos técnicos do aeroporto, que estão a decorrer, estarão concluídos em dois anos, sendo “importante” para o Governo que o projecto seja concebido com o envolvimento sector privado que, segundo Olavo Correia, está “interessado” em estabelecer com o executivo uma parceria “para viabilizar grandes obras” em Cabo Verde, nomeadamente no sector aeroportuário.

“Vamos deixar que os estudos se concluam e em função disso definiremos o modelo de negócio para viabilizar o aeroporto, que será um marco essencial para conectar Santo Antão ao mundo e criarmos oportunidades para Cabo Verde a partir desta ilha”, explicou o governante.

Durante a sua estada em Santo Antão, este governante apresentou aos empresários da ilha o Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável (PEDS) e visitou as empresas nos três municípios.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,11 fev 2018 10:11

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  23 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.