Paulo Rocha expressa "consternação e preocupação" pela morte de um agente da PN

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,29 out 2019 12:57

Paulo Rocha
Paulo Rocha

​O ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, reagiu hoje, no Sal, à notícia da morte a tiro de um agente da Polícia Nacional, crime ocorrido na madrugada de hoje, na zona de Tira Chapéu, Praia. Paulo Rocha expressou a sua “consternação e preocupação”.

O governante falava à margem do acto de abertura da XIª Reunião dos Directores de Política de Defesa Nacional da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, que decorre na ilha do Sal, e a que presidiu na manhã de hoje.

“O Governo e, particularmente, o Ministério da Administração Interna lamentam, profundamente, a morte de um efectivo nosso, um facto que muito nos chocou e continua a chocar”, disse, considerando ser ainda “muito cedo” para tecer quaisquer comentários sobre o ocorrido.

“Este é um momento de muita tristeza. A polícia está no terreno a tentar apurar a esclarecer tudo aquilo que se passou”, disse.

Detido um dos suspeitos da morte do agente da PN

Segundo a Rádio de Cabo Verde, foi detido um dos dois suspeitos pelo homicídio do agente da Policia Nacional (PN), Hamilton Morais. De acordo com a mesma fonte, o segundo suspeito continua a monte. Hamilton Morais, agente da Polícia Nacional, morreu esta noite quando foi atingido por um tiro no bairro de Tira Chapéu.

Paulo Rocha sublinhou que é uma “grande preocupação” ver o perigo a que os efectivos da Policia Nacional estão expostos todos os dias.

“A nossa responsabilidade é proteger as pessoas e para o fazer expomos os nossos efectivos a perigos diariamente”, analisou.

“Tenho a certeza de que a sociedade percebe o que estou a referir”, complementou.

A Polícia Nacional confirmou já a detenção de um dos dois suspeitos.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,29 out 2019 12:57

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  16 jul 2020 23:21

pub.
pub.
pub
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.