Situação da Câmara Municipal de São Vicente é “grave” - oposição

PorLourdes Fortes, Rádio Morabeza,8 jul 2021 15:36

Os vereadores da UCID e do PAICV na Câmara Municipal de São Vicente enviaram uma carta à Assembleia Municipal a alertar para a situação política e administrativa da ilha, que classificam de “grave”. Os eleitos municipais justificam a medida com a necessidade de reposição da legalidade na administração da autarquia.

Em conferência de imprensa, realizada hoje, Anilton Andrade, em representação do grupo de vereadores, apontou que a situação está insustentável.

“Solicitamos, de uma uma forma urgente, a intervenção da Assembleia Municipal e da tutela, no sentido de se colocar um ponto final nesta situação que está insustentável, com um clima de tensão, hostilidades e de humilhação constante contra os vereadores da oposição. Multiplicaram-se as ilegalidades graves e, de forma reiterada, o presidente não disponibiliza informações à autarquia, ignora as responsabilidades dos vereadores, não cumpre as deliberações”, enumera.

O grupo afirma que tem tentado encontrar pontos de entendimento com o presidente da autarquia, mas sem sucesso.

“Há já algum tempo que temos tentado fazer isso, demos o benefício de dúvida e margem ao presidente para se recuperar da ressaca das eleições, entender que a câmara tem uma maioria que não foi eleita pelo seu partido. Estávamos à espera que ele conseguisse entender isto, hoje estamos a ver que, mais do que não entender, ele desrespeita”, refere.

Também foi anunciada a intenção de revogar todos os actos praticados pelo edil sanvicentino ou pelos funcionários da autarquia, sem o consentimento dos vereadores.

“Iremos revogar, nos termos da lei, todos os actos praticados pelo presidente ou por funcionários e agentes municipais a mando do presidente, sem o nosso consentimento. Não podemos alinhar com uma câmara autoritária, com alguém que não esteja comprometido com o desenvolvimento de São Vicente e com os próprios valores democráticos”.

Anilton Andrade reafirma a disponibilidade dos vereadores para trabalharem com o presidente da Câmara Municipal, respeitando o resultado saído das últimas eleições autárquicas, para a salvaguarda dos interesses e desenvolvimento de São Vicente.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Lourdes Fortes, Rádio Morabeza,8 jul 2021 15:36

Editado porAndre Amaral  em  20 set 2021 23:21

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.