​“Não aceito a resposta de que não há como descontar e criar uma carreira para os marítimos” – Abraão Vicente

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,25 out 2022 14:30

1

O ministro do Mar desafiou hoje o novo presidente do INPS a criar condições para que os marítimos que trabalham em navios estrangeiros possam descontar para a segurança social em Cabo Verde. Abraão Vicente também pede uma carreira específica para os artistas e criadores nacionais.

Os desafios foram lançados pelo governante ao novo presidente da Comissão Executiva do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS), Mário Rui Lopes Fernandes, durante uma visita de cortesia ao Ministério do Mar, em São Vicente.

“É preciso ter ambição neste processo de alargamento da base contributiva na segurança social. Nós desafiamos o senhor presidente a encontrar a solução. Eu não aceito a resposta de que não há como descontar e como criar uma carreira para os marítimos cabo-verdianos. Também não compreendo a não criação de uma carreira específica para os artistas e criadores cabo-verdianos”, posiciona.

Durante o encontro, Abraão Vicente também pediu ao INPS que faça um “trabalho mais aprofundado” junto das comunidades piscatórias nas ilhas, assim como um tratamento diferenciado às populações fora da capital.

“Ou seja, é preciso uma presença mais efectiva do INPS nas ilhas do Norte, mas também à Norte de Santiago, onde temos seis municípios. Das visitas que fizemos às comunidades piscatórias constatamos que grande parte da população não tem acesso ao INPS nem a cuidados de saúde. O desafio aqui não é só de gestão. A questão aqui tem que ver com a gestão populacional para o futuro”, diz.

A tutela da pasta do Mar garante que há abertura por parte do presidente do Instituto Nacional de Previdência Social, no sentido de avançar com a concretização das sugestões apresentadas durante o encontro de hoje.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,25 out 2022 14:30

Editado porAndre Amaral  em  2 dez 2022 5:20

1

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.