Sobrelotação na prisão no Fogo preocupa a CNDHC

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,30 nov 2021 14:04

Zaida Morais, José Maria Neves
Zaida Morais, José Maria Neves Rádio Morabeza

A sobrelotação nas prisões foi uma das preocupações que a presidente da Comissão Nacional para os Direitos Humanos e a Cidadania (CNDHC), levou hoje ao Presidente da República, durante uma visita efectuada esta manhã ao Chefe de Estado.

Zaida Morais diz que a maior preocupação é com a Cadeia da ilha do Fogo, que está em obras, o que tem provocado uma superlotação do estabelecimento prisional.

“No âmbito desta pandemia, as visitas só foram retomadas recentemente o que cria uma situação de stress muito grande por as pessoas estarem confinadas num espaço muito fechado com muita gente e sem possibilidade de fazer qualquer tipo de actividade, porque as condições das obras não permite. Sem o contacto com a família então têm-se gerado algumas situações de algum atrito entre os reclusos, os técnicos e os agentes prisionais e isso não é nada favorável ”, avançou a presidente da CNDHC.

Zaida Morais diz que as obras de reestruturação da prisão da ilha do Fogo devem ser concluídas com urgência.

A lei anti-discriminação para a comunidade LGBTI foi outro tema abordado com o Presidente da República.

"O foco foi muito sobre a lei anti-discriminação que é um diploma jurídico que estabelece os princípios da prevenção, da protecção e do combate a discriminação, não relativamente apenas a comunidade LGBTI, mas a um público mais alargado, nomeadamente pessoas com deficiência, comunidade imigrante, junto de quem nós entendemos que precisamos de melhorar os nossos mecanismos de protecção" explicou.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,30 nov 2021 14:04

Editado porAndre Amaral  em  27 jan 2022 23:20

pub.

pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.