Governo tem privado os trabalhadores de melhores condições de vida - UNTC-CS

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,10 fev 2022 11:47

Conferência de imprensa da UNTC-CS
Conferência de imprensa da UNTC-CSRádio Morabeza

Salários congelados desde 2011 e preços dos bens de primeira necessidade a subir. Paradoxo assinalado pela secretária-geral da UNTC-CS, Joaquina Almeida, que falava esta manhã, em conferência de imprensa, na Praia.

A líder sindical refere que tudo aumenta, menos os ordenados dos trabalhadores.

“Até onde quer esse Governo afundar os trabalhadores cabo-verdianos, porque as políticas públicas têm gerado mais pobreza na população vítima de sucessivos maus anos agrícolas e agora vítima da pandemia.

Um Governo que propaga aos quatro ventos que tem a pessoa humana no centro da sua política e que não deixa ninguém para trás e que contrariamente relega à pessoa humana para o último plano da sua governação”, afirma.

Joaquina Almeida considera que o Governo tem privado os trabalhadores de uma melhoria de condições de vida, ao recusar-se a aumentar salários.

“Estamos num país em que, a taxa de desemprego aumenta a cada dia; Trabalhadores e suas famílias em situação de muita dificuldade; Empresas a reclamar por apoio para não encerrarem as suas actividades; Restrição do consumo devido ao fraco poder de compra.Neste momento tudo tem subido no país com exceção dos salários que teimam em não acompanhar a escalada dos produtos”, avança.

A secretária-geral da UNTC-CS diz que é necessário adoptar políticas públicas concretas, para que os trabalhadores possam sair da actual situação de dificuldade.

Almeida afirma ainda que o Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável (PEDS) apresentado no dia 8 de Fevereiro não pode ser mais um instrumento de trabalho para a gaveta. Pelo contrário, tem que ser implementado e executado, assim como a Agenda Cabo Verde 2030.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,10 fev 2022 11:47

Editado porAndre Amaral  em  19 ago 2022 23:28

pub.
pub.
pub.

pub
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.