UNTC-CS acusa CV HANDLING de violar leis laborais

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,6 abr 2020 15:25

Secretária-geral da UNTC-CS, Joaquina Almeida
Secretária-geral da UNTC-CS, Joaquina AlmeidaRadio Morabeza

A CV HANDLING viola "flagrantemente" e "deliberadamente" as Leis Laborais. A denúncia é da secretária-geral da UNTC-CS, esta manhã, em conferência de imprensa, na cidade da Praia.

Joaquina Almeida diz que a CV HANDLING alterou arbitrariamente o período de férias dos trabalhadores, sem articulação com as autoridades competentes.

“Marca faltas injustificadas aos trabalhadores sem qualquer base legal; converte abusiva de horas extras trabalhadas em dias de folgas, injustificável do ponto de vista legal; alteração arbitrária do período de férias; antecipação de férias colectivas sem articulação com as autoridades competentes, designadamente a Inspecção Geral de Trabalho... A CV HANDLING não se pode escudar na situação da crise que vivemos no país como justificação a dar cobertura a medidas que violem as leis em vigor e ponham em causa os direitos dos trabalhadores”, avança.

Noutra frente, a secretária-geral da UNTC-CS quer saber porque é que o INPS presta apenas serviços essenciais e os correios estão a funcionar normalmente.

“Entendemos que não se justifica o normal funcionamento dos Correios, uma vez que o fluxo das suas actividades, que são encomendas, é fraco, ou quase nulo, motivado por encerramento dos portos e aeroportos".

"Essa questão é colocada na perspectiva de encerramento apenas de actividades que não são essenciais ao interesse público, por exemplo os serviços administrativos. Solicitamos a intervenção da tutela, numa carta enviada, que ainda não mereceu qualquer resposta para adequação do funcionamento a realidade hoje vivida no país”, explica.

Joaquina Almeida apela ainda ao Governo a que realize testes de despistagem aos trabalhadores do Hotel Riu Karamboa.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,6 abr 2020 15:25

Editado porSara Almeida  em  1 jul 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.