2019: Ano da consagração da morna a património da humanidade

PorDulcina Mendes,4 jan 2020 8:52

O ano terminou com a boa notícia para a nação cabo-verdiana: a morna é elevada a património cultural da humanidade.

A morna entra na lista de Património Cultural Imaterial da Humanidade da Unesco. A decisão foi anunciada no dia 11 de Dezembro, durante a reunião do Comité do Património Cultural Imaterial da Humanidade, que teve lugar em Bogotá, na Colômbia.

Depois disso houve várias reacções de artistas, compositores e várias outras personalidades. O Governo condecorou com Primeiro e Segundo Grau da Medalha de Mérito Cultural 19 individualidades que contribuíram para a elevação da morna a património cultural imaterial da humanidade.

Na mesma semana, acontecia mais uma edição do Morna Fest, que este ano chegou à Cidade da Praia pela primeira vez e teve um sabor especial, com a consagração da morna a património cultural imaterial da humanidade.

Foi comemorado este ano o Dia Nacional da Morna, no dia 3 de Dezembro. A data foi instituída no ano passado em homenagem ao compositor Francisco Xavier da Cruz (B.Leza), nascido nesse dia.

Este ano, foi lançada a colecção “Morna: Música Rainha de nôs terra”, editada pelos jornais Expresso das Ilhas, Público de Portugal e a Editora A Bela e o Monstro (Portugal). Da autoria do antropólogo Manuel Brito-Semedo, a colecção traça em cinco livros + CDs o percurso da morna.

A Gala “Cabo Verde Sucesso” este ano aconteceu em Dakar, Senegal. Nesta gala foram homenageadas personalidades cabo-verdianas que se distin­guiram em diversas áreas no continente africano.

O evento contou com actuação de Elida Almeida, Os Tubarões, Bulimundo, Philip Monteiro, Oriazul, Groupe Tocatina e Batucadeiras de Dakar.

Para terminar o ano da melhor forma, a abertura da Noite Branca trouxe um “mega espectáculo” dos artistas da Broda Music e amigos. O show da Broda Music veio celebrar os 10 anos da produtora. Este show levou para o centro histórico da capital cabo-verdiana centenas de pessoas. Além deste espectáculo, a Noite Branca contou com 18 palcos, com várias actividades como música, desfile de moda, artistas de rua, dança e performances. Assomada e a Ilha da Brava receberam também a Noite Branca com várias actividades culturais.

Artes plásticas

A nível da arte, dois quadros do artista plástico Tchalê Figueira foram retirados da exposição a comemorar o dia da Liberdade e Democracia, pelo seu teor erótico. Os quadros estavão entre as dezenas de obras expostas no Hall da Assembleia Nacional.

image

Ainda sobre a arte, o artista português, Vhils deixou em Cabo Verde, mais concretamente na Cidade da Praia e no Mindelo dois murais. Vhils esculpiu o retrato de Amílcar Cabral na Praia e o da cantora Cesária Évora, em São Vicente. São Vicente recebeu também o mural de António da Cruz, conhecido por Topad. A pintura resulta de um desafio lançado a Pedro Albuquerque pela Kriol Ideias, e contou com a parceria de Ocean Week, para homenagear este “lobo-do-mar” do Mindelo.

Filme

A cabo-verdiana Vitalina Varela recebeu o prémio de Melhor Actriz, no filme que levou o seu nome e conta a sua história. O filme é do realizador português, que recebeu um Leopardo de Ouro, o prémio máximo do Festival Internacional de Cinema de Locarno.

image

O filme “Manuel d’0Novas – Coração de um Poeta”, do realizador cabo-verdiano, Neu Lopes esteve em ante-estreia, em São Vicente. O documentário recupera a obra de Manuel d’Novas, poeta e compositor, autor de alguns dos emblemáticos temas da música nacional.

Dança

Este ano, o Dia Interna­cional da Dança foi celebrado na Cidade da Praia com a primeira edição de “Cabo Verde Dança”. Foi um projecto da Simbron Produson e da portuguesa Patrícia Dis, que visa promover a dança em Cabo Verde.

A bailarina do Raiz di Polon, Luciene Cabral foi seleccionada para remontar a peça “Le Sacre du Pritemps” da bailarina e coreografa alemã, Pina Bausch. Luciene Cabral participou na audição que aconteceu de 13 a 22 deste mês, no Senegal, e foi uma das bailarinas escolhidas para remontar a peça de Pina Bausch. Com isso, a bailarina estará no Senegal no início de Fevereiro, juntamento com outros bailarinos africanos.

Teatro

O festival Mindelact celebrou, este ano bodas de prata, e teve um cartaz composto por 72 espectáculos, 50 companhias e 13 países.

Além de Cabo Verde, pas­saram pelo palco do Mindelact grupos de Portugal, Brasil, Espanha, República Checa, Alemanha, Japão, Angola, Itália, Guiné-Bissau, Dinamarca e Estados Unidos de América.

Ainda durante o festival Mindelact foram homenageadas figuras e instituições que fizeram parte da história deste festival.

O actor Tikai que tem feito vários trabalhos a nível de teatro, anuncia que vai deixar o teatro para poder retomar os seus estudos. Tikai está em digressão pela ilha de Santiago com o seu último trabalho teatral “Filho Pródigo”.

Moda

A modelo cabo-verdiana, Alécia Morais foi capa da revista Gotham Magazine, no mês de Dezembro. Esta revista nova-iorquina é sobre cultura, comida, arte e moda. A capa e o editorial protagonizado pela modela cabo-verdiana celebram a Art Basel, uma feira internacional de artes, que acontece anualmente em Miami. Este ano, Alécia Morais participou em editoriais para a Elle Itália, Elle UK, Marie Claire México y América Latina, Máxima e S Moda for El Pais. Também fez campanhas para Shiseido, Exuviance, Mizani, H&M Beauty, Aisling Campus e We Are Edition.

Além de todas as actividades descritas, neste ano também foi realizado mais uma edição do Atlantic Music Expo, do Kriol Jazz Festival, da Kavala Fres Feastival, do Mindel Summer Jazz, dos Cabo Verde Music Awardes, do Festival Internacional do Cinema da Praia, do Somos Cabo Verde e do Prémio Nacional de Publicidade.  

Texto originalmente publicado na edição impressa do Expresso das Ilhas nº 944 de 01 de Janeiro de 2020. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Dulcina Mendes,4 jan 2020 8:52

Editado pormaria Fortes  em  31 mai 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.