Presidente da República avalia Estado de Emergência

PorAndre Amaral,13 abr 2020 15:41

O Presidente da República esteve reunido, esta manhã, com o Presidente da Assembleia Nacional, Primeiro-ministro, membros do governo e com o Director Nacional de Saúde para auscultar opiniões sobre os dias cumpridos de Estado de Emergência por causa da pandemia de COVID-19.

No final do encontro, o Presidente da República fez questão de frisar que este encontro "foi uma reunião de consulta para poder ir formatando a minha avaliação do Estado de Emergência que está em vigor em Cabo Verde".

Com o último dia de Estado de Emergência a aproximar-se - dia 17 de Abril às 24h00 - estas consultas servem, acrescentou Jorge Carlos Fonseca, para que "eu esteja habilitado a tomar uma decisão" sobre a prorrogação ou não do Estado de Emergência.

"Hoje foi uma reunião de consulta, de avaliação, de reflexão sobre o que tem sido o Estado de Emergência, o que tem sido o grau de execução das medidas restritivas que têm sido tomadas seja do ponto de vista sanitário ou epidemiológico, seja do ponto de vista do confinamento domiciliar e também pudemos ouvir o ministro das Finanças sobre o impacto das medidas que têm sido tomadas na economia, no emprego e as medidas que o governo já tomou e, possivelmente virá a tomar, para que o impacto seja o menor possível", disse Jorge Carlos Fonseca que revelou ainda que em cima da mesa esteve também o tema do pós-Coronavírus.

"A situação que vivemos é séria e é grave. E nas condições de um país como Cabo Verde deve merecer um esforço firme de todos, de prevenção para evitarmos a propagação do vírus", apontou.

Questionado sobre se defende ou não a manutenção do Estado de Emergência, Jorge Carlos Fonseca disse que "já vamos no 16º dia do Estado de Emergência e eu vou solidificando a minha posição. Na reunião de hoje expus o meu sentir sobre a execução do Estado de Emergência, das minhas dúvidas e suscitei algumas informações e esclarecimentos".

"Isto quer dizer que não tenho, ainda, uma decisão tomada", concluiu.

De recordar que o Presidente da República decretou o Estado de Emergência para todo o país das 00h00 de dia 29 de Março até às 24h00 de dia 17 de Abril. Sobre uma possível prorrogação do mesmo, Jorge Carlos Fonseca remeteu a tomada de decisão para o final desta semana.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,13 abr 2020 15:41

Editado porSara Almeida  em  20 jan 2021 23:21

pub.
pub.
pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.